sexta-feira, 28 de março de 2008

A Besta





Sim, sou feito da pedra fria de marmore que acenta na lapide
é gelo que me corre no sangue e me percorre o corpo,
gelo e congelo o meu inferno e tudo o que me rodeia,
Oco e sem nada que me faça sentir
Sou eu
A besta.

Intocavel, insensivel e tudo mais
aceito-me como sou
porque sei que ninguem mais me aceitará.
A Besta.

Confesso a minha angústia
mas aceito-a
e reconheço quem sou,
A Besta.

Este inverno que me corre nas veias é meu!
Sou eu!
Crú, frio e oco
A Besta.

Não o nego, nem me justifico
é um facto, nasci assim. sou assim.
Dispenso julgamentos ou opiniões
Quem me julga sou eu
A Besta.

e sei bem que é meu fardo, meu feitio.

Respiro a raiva de quem sou
e de quem me tornei
fui eu que me fiz assim...
A Besta.

mas mesmo na pedra fria se encontra alma
e sentimento e lágrimas...
até o gelo derrete
e nunca haverá Inverno sem Primavera
Nem nunca terei vida sem que, para o mundo,
exista a Besta.



by Moon_T

4 comentários:

Asile disse...

...As vezes...derrete melhor o gelo que gela o fogo...

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=9BE1YqDYlLo

Sandra disse...

:))

n gostei foi da imagem :)

xinhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuus

Deusa_Vénus disse...

A besta é um animal reprimido que se esconde no mais recôndito do nosso ser ... Nem todos sabem da sua existência até ao dia em que ela se solta!

Gostei :)

Also...

Disclaimer: All images, unless otherwise noted, were taken from the Internet and are assumed to be in the public domain.In the event that there is still a problem or error with copyrighted material, the break of the copyright is unintentional and noncommercial and the material will be removed immediately upon presented proof.